Nas Bancas à 4ª feira
Facebook
 

Edição:

| Ano |

Error parsing XSLT file: \xslt\NTS_XSLT_Menu_Principal.xslt

20 de junho de 2018

DIAS 30 DE JUNHO E 1 DE JULHO
Rali de Castelo Branco traz bólides de volta às estradas da região

O Rali de Castelo Branco, organizado pela Escuderia Castelo Branco (ECB) e que pontua para o Campeonato de Portugal de Ralis, além de outras competições, como a Taça Nacional de Ralis, o Campeonato Centro de Rali e o Peugeot 208 Rally Cup Ibérica, está na estrada dias 30 de junho e 1 de julho, sendo que o shakedown se realiza dia 29 de junho.
Naquela que é a sexta prova a pontuar para o Campeonato de Portugal de Ralis, a luta pela vitória será aguerrida, porque no Rali estarão pilotos como Armindo Araújo, que já foi várias Campeão Nacional de ralis, além de contar no seu palmarés com o título de Campeão do Mundo de Produção. Armindo Araújo que aos comandos do Hyundai i20 R5, chega à prova Albicastrense como líder do Campeonato.
Entre os pilotos que aspiram à vitória está também José Pedro Fontes, que já venceu o Rali e que estreia em Castelo Branco o Citroën C3 R5 em piso de asfalto.
Outro piloto que já venceu e Castelo Branco, João Barros, será também um dos candidatos à vitória, com o Ford Fiesta R5.
A estes há ainda a somar outros nomes, como Pedro Meireles e Miguel Barbosa, ambos em Skoda Fabia R5, que também lutarão pelo pódio.
Na apresentação da prova o presidente da Escuderia, António Sequeira, afirmou que as expectativas em relação à prova “são muito altas, na componente desportiva, mas também para a Escuderia, de modo a não defraudar quem acompanha o Rali”.
Aspetos importantes se se considerar que, como avança António Sequeira, o objetivo é que o Rali deste ano “seja novamente candidato à melhor prova de ralis”.
O Rali tem como diretor de prova Luís Dias, que destacou que a principal preocupação da organização “foi consolidar o trabalho realizado nos últimos anos”.
Luís Dias revelou, por outro lado, que este ano o Rali apresenta novidades, pelo que “o percurso de sábado foi alvo de alterações e tem duas especiais de classificação novas”, avançando que trata-se de Bafareira e Grade, “estradas que o Rali já percorreu, mas nunca no formato apresentado este ano”.
Na apresentação do Rali, o presidente da Câmara de Castelo Branco, Luís Correia, elogiou “a capacidade organizada e profissionalismo da Escuderia”, para de seguida destacar que “esta prova tem muito significado para o Concelho de Castelo Branco e para a Região”, porque “é um momento de atração e de diferenciação. Temos muitos visitantes e isso tem impacto no turismo”.
Luís Correia afirmou que, por isso, “o desporto automóvel é uma das facetas em que apostamos para promover o turismo de Castelo Branco”.
Voltando a destacar o que a Escuderia faz a nível de provas, Luís Correia relembrou ainda “o investimento, grande, que está a ser feito para dar força ao desporto automóvel”, referindo-se à pista de karting que está a ser construída no Parque de Desportos Motorizados de Castelo Branco.
A apresentação da prova também contou com a presença de Armindo Araújo que, no final, participou numa sessão de fotografias e autógrafos.
Armindo Araújo, que se referiu à Escuderia como um “clube de grande prestígio”, recordou que “após uma paragem de seis anos estou de regresso, com a Hyundai e com três vitórias estamos a liderar o Campeonato”.
Por isso, continuou, “depois de três vitórias consecutivas no Campeonato, se ganhar em Castelo Branco, um bom resultado traria uma vantagem em relação aos meus adversários”, garantindo que “não venho a Castelo Branco na defesa. Venho para ganhar”, até porque, revela, “penso que as condições do Rali são muito boas para o nosso carro”.
O piloto, que participa pela primeira vez no Rali, depois deste ter regressado ao escalão máximo dos ralis em Portugal, recordou, no entanto, que tem uma boa memória da Região e de provas organizadas pela Escuderia. Tudo, porque, relembrou, “o meu segundo rali e a minha primeira vitória foi alcançada em 2000, no Rali Portas de Ródão. Por isso tenho boas memórias”, concluindo que “não conheço os troços deste rali, mas vou fazer o reconhecimento, para estar preparado”.

António Tavares

20/06/2018
 

Outros Artigos

Em Agenda

 
20/03 a 26/09
Cargaleiro e os amigosMuseu Cargaleiro, Castelo Branco
21/07 a 07/10
São Rosas e Dias Líquidos Antigo edifício dos Correios, Castelo Branco
28/07 a 30/09
Rico SequeiraMuseu dos Têxteis – Mutex, Cebolais de Cima
tituloNoticia
01/09 a 28/09
Olhar de Jolon Biblioteca Municipal de Penamacor
12/09 a 30/09
O Real é uma pergunta? Sala da Nora do Cine-Teatro Avenida, Castelo Branco
22/09
Feira Dell’ArteCine-Teatro Avenida, em Castelo Branco

Visite Castelo Branco

Video

Castelo Branco nos Açores

Video